Otimize o processamento de imagens com a Plataforma de Edge da Azion

O Image Processor da Azion oferece simplicidade e automação para a gestão de recursos, permitindo que você reduza tempos de carregamento e custos de armazenamento. Executando em uma rede distribuída, você pode reduzir o tamanho, cortar, redimensionar e aplicar filtros em imagens para atender às suas necessidades. Tudo isso usando um único arquivo de imagem.


Visão geral de uma requisição/resposta através da aplicação Edge

  1. Um usuário faz uma requisição a um domínio associado a uma edge application.
  2. No edge node, a requisição é processada pelo Rules Engine. As políticas de cache e o comportamento de otimização de imagem são ativados na fase de requisição.
  3. Se configurado, algoritmos de otimização de imagem e funções do Runtime são executados.
  4. A requisição passa pela camada do Edge Cache. Se existe uma cache key para o objeto, o objeto é entregue.
  5. Se uma cache key não existir para o objeto, a requisição é encaminhada para a origem.
  6. A origem responde com o conteúdo para o edge node.
  7. O objeto é armazenado em cache na camada Edge Cache, e uma cache key para o objeto é gerada e adicionada ao cabeçalho HTTP X-Cache-Key na resposta.
  8. O objeto retorna para a camada de aplicação. Para objetos upstream (da origem), quaisquer políticas e diretrizes que devem ser aplicadas ao objeto são processadas pelo Rules Engine e impostas.
  9. O conteúdo é entregue ao usuário.

  • Edge Application: crie uma edge application para configurar políticas de entrega e cache, definir regras para automatizar as atribuições de política de cache com base no tipo de conteúdo e determinar como o conteúdo é cacheado.
    • Edge Cache: módulo global para cache de conteúdo no edge.
    • Rules Engine: uma ferramenta para configurar os cenários em que uma política de cache específica é imposta e ativar a otimização de imagem.
  • Image Processor: um add-on que permite a manipulação de imagens através da linha de requisição.
  • Domains: registre um domínio personalizado com a Azion para entregar a edge application.

  1. Crie uma edge application: primeiro, você deve criar a camada de entrega de conteúdo no edge. Você pode fazer isso usando Azion Console, Azion API ou Azion CLI.
  2. Crie um domínio e o associe à edge application:
    • No Console, crie um domínio usando o botão + Create na barra de navegação superior.
    • Utilize a Azion API para criar um domínio.
    • Se você criou uma aplicação através de um template ou do Azion CLI, o domínio é criado para você.
  3. Configure políticas de cache: configure uma política de cache para imagens. A configuração recomendada é:
    • Imagens: defina configurações de cache para arquivos de imagem para otimizar a entrega. Para imagens, é recomendado mantê-las em cache no edge por períodos mais longos, como 1 ano (31536000 segundos).
  4. Aplique políticas de cache em cenários específicos: use Rules Engine para aplicar políticas específicas com base em várias condições. Crie e modifique as regras:
    • Regra padrão: ative o Image Processor com o comportamento Otimize Imagens.
    • Imagens: para arquivos de imagem, aplique a política de cache apropriada.
  5. Aplique algoritmos de processamento de imagem à sua aplicação:
    • Aplique consultas ?ims a partir do código da própria aplicação.
    • Crie uma regra para reescrever a URL da requisição para adicionar a consulta ?ims.
  6. Aponte o domínio para Azion: atualize suas configurações de DNS para apontar o registro CNAME do seu domínio para o endpoint Azion fornecido para o seu domínio.
  7. Teste e monitore: depois de configurar sua entrega de conteúdo, teste a entrega de conteúdo para garantir que está funcionando conforme esperado e monitore o acesso de entrada.
  8. Faça ajustes nas políticas de cache, regras, otimização de imagem ou outras configurações conforme necessário com base nas métricas de desempenho e feedback dos usuários.