Edge Caching

Edge Caching é um módulo disponível para Edge Application que reduz a latência de aplicações e aumenta a taxa de transferência através da edge network da Azion.

Quando seu conteúdo é armazenado em cache, também conhecido como cache hit, ele pode ser entregue diretamente aos seus usuários a partir do edge node mais próximo a eles, eliminando a frequência de acesso aos seus servidores de origem. Isso não apenas melhora o desempenho e a escalabilidade do seu conteúdo, mas também reduz os custos de infraestrutura.

No caso de uma cache miss, quando o conteúdo solicitado não está disponível no cache, o módulo Edge Caching da Azion minimiza o impacto, mantendo uma conexão keep-alive com o servidor de origem sempre que possível. Esta abordagem evita a sobrecarga de frequentes handshakes de TCP/IP. Independentemente do número de requisições simultâneas feitas aos edge nodes da Azion, cada node só precisa pesquisar o conteúdo da origem uma vez por cache miss, o que reduz a carga em sua infraestrutura.

Se os servidores de origem estiverem inativos ou ficarem indisponíveis, o Edge Caching da Azion também pode servir conteúdo do cache para seus usuários a partir do edge.

Na Azion, você pode personalizar o tempo que o cache permanece no edge através dos valores de time-to-live (TTL). Políticas de cache com valores maiores de TTL podem otimizar o desempenho de sua aplicação, melhorando a experiência de seus usuários e reduzindo o tráfego com a origem. No entanto, um TTL de cache baixo pode ajudá-lo a garantir que os usuários finais sempre vejam as informações mais atuais.

EscopoRecursos
Configurações de cache disponíveisCache Settings
Módulo L2 CachingL2 Caching
Configurar uma política de cacheComo configurar políticas de cache para Edge Application

Com o Edge Caching, você pode personalizar o TTL (Time-to-Live) de cache do navegador e do edge de acordo com seus requisitos específicos.

Ao definir seu TTL para o cache do navegador, você pode controlar por quanto tempo o conteúdo permanece armazenado nos navegadores locais. Um valor maior de TTL pode reduzir a necessidade de seus usuários buscarem conteúdo dos edge nodes ou da origem, melhorando os tempos de carregamento.

Você também pode definir por quanto tempo seu conteúdo deve permanecer em cache nos edge nodes da Azion. Um TTL de CDN cache mais longo pode melhorar o desempenho de entrega de conteúdo. Sendo acessado com frequência, o conteúdo permanece disponível mais perto dos usuários, reduzindo a carga no servidor da origem.

Encontrar o equilíbrio certo para os tempos de expiração de cache é crucial para garantir que os usuários recebam o conteúdo mais atualizado sem servir stale cache por muito tempo.

A capacidade de personalizar o TTL de cache do navegador e o TTL de cache do edge permite que você ajuste sua estratégia de cache com base na frequência de atualização do seu conteúdo, nos padrões de tráfego do usuário e nos objetivos gerais de desempenho.

Saiba mais sobre expiration settings

Quando o cache do sua aplicação expira, ele se torna stale e o servidor procura na origem a versão mais atualizada. Esta nova versão, com uma data de validade atualizada, substitui a antiga.

No entanto, o servidor pode não conseguir obter a versão mais atualizada da sua aplicação da origem. Quando ativado, Stale Cache entrega a última versão do conteúdo em cache, mesmo que tenha expirado, se os servidores de origem não estiverem disponíveis.

Saiba mais sobre Stale Cache.


Adaptive Delivery detecta os grupos de dispositivos que você criou usando o Device Groups, permitindo que você configure como a Azion entrega seu conteúdo. Você pode optar por fornecer a mesma versão do conteúdo, independentemente da detecção do dispositivo, ou manter variações de objetos baseadas no dispositivo em cache.

Saiba mais sobre Adaptative Delivery.