Segurança

Como a cibersegurança protege a imagem da sua marca

Nov 18, 202110 min read

Written by Rachel Kempf (Editor-in-Chief)

Become an expert in edge computing

Seja por questões de privacidade e segurança de dados, preocupações ambientais ou apoio à igualdade de direitos, os usuários de hoje estão mais preocupados do que nunca em utilizar marcas que compartilham seus valores e priorizam práticas éticas. Como resultado, ter uma imagem positiva da marca é a chave para um negócio de sucesso. No entanto, todo o trabalho que você dedica para construir uma reputação de que sua marca é forte pode ser destruído por ataques cibernéticos que ameaçam sua disponibilidade, descaracterizam seu site com spam, ou divulgam dados sensíveis de clientes.

A escolha correta dos produtos de cibersegurança pode ajudar a prevenir esses ataques e garantir que sua marca seja associada a alto desempenho, ótimo conteúdo e uma experiência de usuário segura. Pensando nisso, neste post nós vamos mostrar como a imagem da marca afeta seus resultados financeiros, como os ataques cibernéticos ameaçam a imagem da sua marca e como evitar que tais ataques causem danos à marca usando uma abordagem moderna de segurança cibernética.

As consequências negativas dos danos a uma marca

Não é segredo que as empresas que têm uma imagem de marca positiva tendem a superar aquelas que sofreram danos à reputação ou estão envolvidas em escândalos. Marcas com boa reputação tendem a manter os preços das ações altos devido à confiança do consumidor, ter maior fidelidade dos clientes, ganhar uma melhor rentabilidade em licitações e propostas competitivas e podem, inclusive, cobrar um prêmio por seus serviços, uma vez que estão associadas a mais valor. De fato, um estudo do Marketing Accountability Standards Board, de 2018, demonstrou uma ligação direta entre a preferência pela marca e a participação de mercado em 120 marcas e 12 categorias. No mesmo ano, a Marketwatch informou que os clientes "estavam dispostos a pagar 22% a mais – ou um extra de US $147 – caso também se acreditasse que essa empresa tivesse uma melhor reputação corporativa".

Simplificando, uma boa reputação de marca é algo extremamente valioso. Sem uma cibersegurança forte, as empresas correm o risco de perder sua boa reputação e os benefícios financeiros que a acompanham.

Como os ataques cibernéticos prejudicam a sua marca

Spam, bad bots e usuários abusivos

Aplicações e sites que estão repletos de comentários de spam e bots de mídia social podem afetar sua confiança e autoridade e mostrar que falta de manutenção e cuidado com seu site, pois envia uma mensagem de que sua marca não se importa com sua experiência dos usuários. Além disso, comentários discriminatórios ou agressivos feitos por usuários abusivos e bad bots podem causar um caos em sua plataforma, prejudicando sua reputação porque isso associa a sua marca à negatividade e valores ruins. E isso é particularmente prejudicial hoje, já que os usuários têm se tornado consumidores socialmente mais conscientes e estão cada vez mais propensos a apoiar marcas que promovem mudanças positivas no mundo. Além disso, alguns comentários de spam e bots em mídias sociais promovem a pornografia, o que pode ser uma experiência ainda mais prejudicial para os usuários, que provavelmente acharão que seu site éinseguro para visitar novamente.

Interrupções do site e desempenho comprometido

Durante o ano passado, os ataques DDoS e ransomware não só se tornaram mais frequentes, mas também mais prejudiciais às empresas, aumentando consideravelmente a capacidade de abalar a reputação das empresas. Esses ataques – que são cada vez mais usados em conjunto – são projetados para atrapalhar a continuidade dos negócios. Enquanto o ransomware faz isso criptografando os dados de suas vítimas para torná-los inutilizáveis, os ataques DDoS comprometem o desempenho e ameaçam a disponibilidade dos sites ao sobrecarregar as vítimas com tráfego de botnet. Conforme relatado pelo RIS News, as consequências desse tipo de interrupção podem ser significativas, especialmente durante períodos de alto tráfego, como a Cyber Monday, onde "uma média de US $3,4 milhões é o que os danos à reputação e à marca podem custar como resultado da perda de clientes em apenas uma hora de inatividade".

Além disso, em um cenário digital onde a velocidade é cada vez mais importante para os clientes, o desempenho comprometido, como largura de banda ou poder computacional insuficientes, também pode impactar a fidelidade à marca. De acordo com o 2021 App Attention Index da Cisco, "83% das pessoas relatam que tiveram problemas com aplicações e serviços digitais nos últimos 12 meses e a maioria tem agora muito mais probabilidade de tomar medidas quando o fazem". Isso inclui mudar para um serviço alternativo, compartilhar suas experiências negativas com outras pessoas ou excluir o serviço digital permanentemente".

Vazamento de dados

Possivelmente um dos eventos mais prejudiciais à reputação que uma empresa pode passar, o vazamento de dados pode fazer com que os clientes duvidem se querem continuar fazendo negócios com você, o que acaba resultando numa taxa de rotatividade de clientes mais alta. Como o IT Chronicles esclareceu em um artigo de 2020, "as empresas que não têm uma base de clientes confiável têm que gastar mais tempo e recursos valiosos na atração de novos clientes para compensar os que perderam". Com a publicidade negativa e a quebra de confiança devido a uma violação de dados, pode ser ainda mais desafiador".

Evidentemente, isso tem um impacto financeiro enorme em qualquer empresa que sofra uma violação. De fato, o Cost of a Data Breach Report de 2021 da IBM constatou que o custo médio total de uma violação de dados é de US $4,24 milhões, o mais alto dos 17 anos de história do relatório. Embora esse custo médio total inclua itens não relacionados à imagem da marca, tais como detecção, resposta de segurança e notificação, negócios perdidos representaram o maior custo para as empresas, compondo 38% da média total ou US $1,59 milhões.

Ataques a aplicações web

À medida que as aplicações web se tornam mais complexas, a superfície de ataque cresce, resultando em uma maior necessidade de que elas tenham uma poderosa segurança. O OWASP Top Ten fornece uma lista das principais vulnerabilidades em aplicações web, incluindo ataques de injeção (injection attacks), como o cross-site scripting (XSS), que representa um risco especialmente sério para a imagem das empresas. Esses ataques são causados por falhas de injeção, que são definidos pelo OWASP como "uma vulnerabilidade que permite a um invasor transmitir código malicioso através de uma aplicação para outro sistema".

Esse tipo de ataque às aplicações web permite que usuários mal-intencionados executem seus próprios scripts nos navegadores de suas vítimas, que não podem atender usuários com conteúdo inadequado. Mas isso compromete os dados sensíveis dos usuários, uma vez que os invasores podem injetar scripts como páginas de login falsas ou outros avisos de phishing que enganam os usuários, fazendo com que exponham suas senhas, informações de pagamento e outros dados sensíveis. Isso não só pode ter impacto na fidelidade à marca, frustrando os usuários atuais, como também pode resultar em uma diminuição da consciência da marca em futuros usuários, reduzindo a predominância de um site nos mecanismos de busca, conforme já alertado pelo Google:"conteúdo de baixa qualidade em algumas partes de um site pode impactar a classificação do site inteiro".

Como prevenir ataques cibernéticos que prejudicam a marca

Embora os efeitos dos danos à reputação possam ser assustadores, você pode evitar muitos vazamentos de dados, falhas e outros eventos prejudiciais com os produtos e as técnicas cibernéticas de segurança corretos.

Elimine usuários mal-intencionados com Network Lists

Frequentemente, um único usuário mal-intencionado pode criar várias contas para enviar spam para painéis de comentários, multiplicando o problema para os proprietários de sites. Se vários perfis de spam em seu site vêm do mesmo endereço IP, adicioná-los a uma lista de bloqueio permanente pode impedir a proliferação de contas falsas em seu site. Além disso, a escolha de um produto de segurança que permite bloquear ou monitorar automaticamente os usuários que acessam seu site por meio de redes anônimas, como Tor ou geolocalizações repletas de contas falsas, garantirá que usuários de alto risco não causem estragos em um site.

Mantenha seu site disponível com mitigação de DDoS

O armazenamento de conteúdo em cache em locais geograficamente distribuídos pode oferecer proteção integrada contra DDoS, fornecendo conteúdo a partir do edge da rede, o que impede que as requisições cheguem aos servidores de origem e que seu site fique fora do ar. Além disso, plataformas definidas por software podem evitar ainda mais falhas e desempenho comprometido, escalando automaticamente para se ajustar ao aumento do uso.

No entanto, com os ataques DDoS se tornando mais frequentes, maiores e mais prejudiciais do que nunca, todo negócio com uma presença online deve considerar a compra de um plano de mitigação DDoS. Planos especializados podem oferecer proteção contra ataques maiores, redirecionando o tráfego de botnet para centros de depuração, reduzindo os picos de tráfego e seus custos associados. Certifique-se de escolher um parceiro de mitigação DDoS que tenha um tempo de resposta rápido, alto SLA publicado, ampla visibilidade de ataques e alta capacidade de rede.

Proteja-se contra ataques de injeção e vazamento de dados com um WAF

Web Application Firewalls, ou WAFs, são hoje uma parte indispensável da cibersegurança, proporcionando a melhor proteção contra cross-site scripting e outros ataques de injeção. Entretanto, nem todos os WAFs são criados da mesma forma. Os WAFs que detectam e bloqueiam ataques baseados em assinaturas de ataque conhecidas utilizam mais recursos, aumentam a latência e não protegem contra ataques zero-day, tornando-os menos eficazes e eficientes do que os WAFs que utilizam conjuntos de regras determinadas por algoritmos e podem ser programados para atender às necessidades específicas do seu site.

Mitigue bad bots com um gerenciador de bot avançado

O aumento da sofisticação dos bots atuais está tornando cada vez mais difícil para as soluções de segurança detectá-los, dificultando e consumindo tempo para manter os bad bots longe dos sites sem eliminar acidentalmente os usuários legítimos. E embora a desativação das seções de comentários possa impedir o spam, isso torna seu site menos interativo para os usuários e pode reduzir sua posição nos mecanismos de busca. Ao implementar uma solução avançada de mitigação de bot capaz de analisar a intenção dos usuários, você pode obter uma detecção mais precisa dos bad bots, permitindo que você remova os usuários mal-intencionados o mais rápido possível.

Os benefícios da Plataforma de Edge da Azion para a segurança

Os clientes de hoje querem apoiar marcas que preservem seus dados sensíveis e mantenham uma experiência de usuário sólida. Isso significa não só proteger contra spam, ameaças OWASP e ataques DDoS e ransomware, mas também garantir que a segurança não impacte negativamente o desempenho de suas aplicações. A Azion oferece às empresas soluções de segurança de desempenho que utilizam o poder de edge computing para proteger os usuários no edge da rede, permitindo alto desempenho e compliance local.

A Plataforma de Edge da Azion torna mais fácil para as empresas fortalecerem a sua segurança e a melhorarem a sua imagem de marca porque oferece:

  • Proteção DDoS integrada (até 5Gbps incluídos), com planos disponíveis de 20Gbps, 50Gbps e Gbps ilimitados e 100% de disponibilidade, garantida por SLA

  • WAF baseado em regras, que oferece proteção mais eficiente, atualizada e robusta do que os WAFs que utilizam métodos de detecção baseados em assinaturas

  • Network Layer Protection, que permite criar facilmente listas de bloqueio ou de monitoramento baseadas em redes (ASN), IP/CIDR, país, ou listas atualizadas automaticamente, que incluem redes Tor

  • Integração com o Radware Bot Manager para proteção avançada contra bad bots

Além disso, todos os usuários da Azion ganham recursos de monitoramento em tempo real através do Real-Time Metrics e Edge Pulse, permitindo que as empresas obtenham uma visão granular e de alto nível do comportamento do usuário para transparência e solução de problemas. Para conhecer o que a Azion pode fazer por sua empresa, contate nossa equipe de vendas ou crie uma conta grátis para começar a usar o Edge Firewall hoje mesmo.

Was this article helpful?

Related posts